dragao

Animações em 2014

2014 parece um ano promissor pros fãs de animação. Não vou postar todos os trailers de filmes, principalmente porque muitos simplesmente não me interessam, mas vou deixar o trailer de alguns que quero conferir no cinema:

Mr Peabody & Sherman (Dreaworks)

Baseado numa série antiga que nunca vi por causa de um erro primordial em nosso universo: há séries antigas e interessantes demais, e pouco tempo pra ver todas. É uma série da década de 60 focada em viagens no tempo e nerds. Um período onde nerds eram zoados e viagens do tempo eram consideradas coisas de… nerds. Não sei se o filme será bom. Não sei se será original. Mas é um jeitinho de conhecer o universo criado pra série animada, por isso tenho esperanças que será fiel.

Como Treinar Seu Dragão 2 (Dreamworks)

Se você não viu Como Treinar Seu Dragão não veja o trailer abaixo. Se você viu sabe que é um filme incrivelmente legal, e com um final bastante ousado e por isso mesmo interessante. Eu sinceramente não sei dizer se prefiro Como Treinar Seu Dragão ou Shrek 2 como o melhor filme da Dreamworks. A história do segundo parece ser mais tradicional, mas eu tenho que

The Boxtrolls (Laika)

A Laika só tem dois títulos no currículo: Coraline e ParaNorman. São filmes de stop-motion excelentes, daqueles que dá vontade de rever dezenas de vezes. O estúdio não agrada os conservadores, já que vira e mexe coloca temas polêmicos. Colocou neste trailer, inclusive. Mas eu diria que ninguém faz stop-motion pra bater bilheterias. Eles fazem porque gostam da arte em si. E já tem muitos filmes pra mostrar as famílias “tradicionais”. Parabéns a eles pela ousadia. Só tem dois filmes e já são um dos meus estúdios prediletos.

Minuscule – La vallée des fourmis perdues (Futuriton)

Este é um filme francês sobre o qual é bem difícil achar informações na internet. O trailer me fez rir sem entender nada que o narrador falava. Será que o filme não terá diálogos? Espero que sim. Fora que os insetos não são antropomórficos (com a exceção de certas expressões, talvez). Uso sensacional do som no trailer, espero que seja tão imersivo assim no filme.

Jack et la Mécanique du cœur (Duran Duboi)

Filme francês com uma muito bem escolhida paleta de cores e estilo visual. A premissa é bem interessante, traduzindo livremente do CartoonBrew: Nascido no dia mais frio da história, Jack vive com um relógio mecânico que ele nunca deve tocar, ou usar para amor ou rancor.

Tanta Hilda!

Terceiro filme francês desta lista.É bem difícil achar qualquer informação sobre o filme na internet. Mas igualmente difícil é não achar a animação tradicional charmosa. Esta aquarela delicada tem ganhado cada vez mais destaque, e é fácil de entender porque. Dá até pra desculpar a falta de fluidez da animação.

Asterix: le Domaine des Dieux

Este não tem nem página no IMDB, então vou assumir que não será lançado. Eu fico meio chateado quando adaptam um quadrinho clássico para 3D, mas a arte está bonita. Acho improvável que seja lançado este ano, mas nunca se sabe.

Asterix01

Song of the Sea (Cartoon Saloon)

Um filme de animação da Irlanda. E muito delicado e carismático. Mais um filme sem muitas informações disponíveis. Pesquisei o título e me levou pra uma história sangrenta da bíblia. Não creio que tenha relação, parece mais uma lenda de alguma região da Irlanda. Vou ficar de olho, embora entre pra categoria “difícil de ser lançado em 2014″…

Malá z Rybárny (Miracle Film)

Uma animação stop-motion da República Checa! Filmes de stop-motion são tradicionais no leste europeu. E destes países acho que a República Checa (antes Checoslováquia) é de longe o mais próspero.  Basta lembrar que o Jiří Barta é de lá. Espero que a narração seja só pra agradar o público americano, e que o filme não tenha diálogos compreensíveis. De qualquer forma é um achado.

Os trailers foram tirados do CartoonBrew, um dos sites mais prósperos sobre animação da internet. O link segue abaixo, lá tem muito mais coisa (que por um motivo ou outro eu não quis postar aqui):

http://www.cartoonbrew.com/feature-film/2014-animated-feature-preview-92785.html

2 comments

  1. Oi, Heider, fiquei curiosa sobre essa história sangrenta da Bíblia que você disse… pode me passar a referência?
    Bem, sobre “Song Of The Sea”, pelo que entendi, a história parece ter algo a ver com as selkies, que são uma espécie de povo-foca da mitologia irlandesa.

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *